Ir direto para menu de acessibilidade.

CONSUMIDOR

Call Center da Anatel muda para Recife (PE)

Publicado: Quarta, 13 de Novembro de 2019, 18h56 | Última atualização em Segunda, 18 de Novembro de 2019, 17h44 | Acessos: 2096

Foto do logo da Anatel em prédio da sede da Agência em Brasília

O Call Center da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) passou a funcionar, a partir desta quarta-feira (13/11), em Recife (PE). Nos últimos cinco anos, o serviço vinha sendo operado a partir de Curitiba (PR). O telefone 1331 é o canal mais utilizado pelos consumidores para entrar em contato com a Agência. Por dia, são realizados cerca de 14 mil atendimentos como registro de reclamações contra prestadoras de telecomunicações, pedidos de informação ou sugestões. O serviço funciona em dias úteis, das 8h às 20h (horário de Brasília).

A inauguração contou com a participação dos conselheiros da Anatel Vicente de Aquino e Moisés Moreira, além dos superintendentes de Fiscalização, Igor de Moura, e de Relações com Consumidores, Elisa Leonel; do gerente do Escritório Regional da Agência em Pernambuco, Sérgio Cavendish e da gerente de Canais de Relacionamento com o Consumidor, Irani Cardoso.

O Call Center emprega perto de 500 profissionais e o contrato prevê que, em plena capacidade, a Datamétrica, empresa que venceu a licitação realizada pela Anatel em setembro, possa realizar perto de 400 mil atendimentos mensais. Os novos atendentes passaram por treinamento realizado por servidores da Anatel para que a transição ocorresse de forma harmoniosa.

Diálogo com a defesa do consumidor. A Anatel também promoveu, no Recife, reunião com representantes e entidades de defesa do consumidor, com o objetivo de discutir as principais demandas da sociedade e ampliar o relacionamento institucional.

Participaram da reunião Danyelle Sena, gerente de Fiscalização do Procon Pernambuco; Guilherme Farid, chefe de Gabinete do Procon São Paulo; Késsia Liliana, superintendente do Procon Paraíba; Sinara Farias, gerente-Geral do Procon Recife e Leandro Almeida, diretor-Executivo do Procon Maceió.

Os representantes dos Procons ressaltaram a importância da regionalização dos debates regulatórios, em especial sobre o Regulamento Geral de Direitos dos Consumidores, que se encontra em fase de revisão pela Anatel, e da discussão conjunta de temas como a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados.

Para o presidente do Comitê de Defesa dos Usuários de Serviços de Telecomunicações (Cdust), conselheiro Vicente de Aquino, “o diálogo com os diferentes órgãos de defesa do consumidor possibilita à Agência entender melhor quais são as reais demandas de quem usa serviços de telecomunicações nos diferentes locais do Brasil. E abre caminho para uma regulação mais eficiente, que de fato satisfaça os anseios dos consumidores”.

Além do telefone 1331, a Anatel disponibiliza outros canais de atendimento como o serviço de atendimento via internet e o aplicativo Anatel Consumidor.

registrado em: